Acesso rápido >> Sala de Web Palestra | Teleconsultoria HealthNet | Teleconsultoria Ao Vivo | Cursos | Solicitar Certificado | Fale Conosco
Ufac sedia seminário sobre medicalização na educação

Ufac sedia seminário sobre medicalização na educação

imagemA diversidade dos processos de aprendizagem e desenvolvimento humano será debatida no 1º seminário sobre medicalização na educação no Estado do Acre, nos dias 8 e 9 de setembro, no anfiteatro Garibaldi Brasil da Universidade Federal do Acre (Ufac).

Organizado pelo curso de Psicologia, o evento pretende reunir docentes e discentes de áreas da saúde e da pedagogia, além de representantes da educação do Estado e do município, e pais para discutir alternativas para conter o avanço da chamada medicalização na escola.

“O que nós vemos, hoje, é a banalização do diagnóstico. A criança apresenta uma dificuldade de aprendizagem e, muitas vezes, por falta de conhecimento, apressa-se em aplicar um diagnóstico, por vezes equivocado e que trará consequências negativas para o desenvolvimento dessa criança”, diz a coordenadora do evento, professora Vânia Damasceno. “Não queremos culpabilizar ninguém, mas é preciso refletir se o problema é de aprendizagem ou de escolarização. É preciso repensar o papel de cada um na escola. Esse é o mote do seminário.”

A programação contará com conferências, mesas-redondas e debates. A conferência de abertura será com a professora da Universidade de São Paulo (USP) e presidente eleita da Associação Brasileira de Psicologia Escolar e Educacional, Marilene Proença, que trará o tema “Políticas públicas e medicalização na educação”.

Também participarão da programação do evento, como professoras convidadas, Silvia Maria Cintra, da Universidade Federal de Uberlândia (UFU), e Iracema Tada, da Universidade Federal de Rondônia (Unir). Como parte da programação, o seminário englobará o fórum sobre a medicalização da educação e da sociedade em Rondônia e no Acre.

O 1º seminário sobre medicalização na educação no Estado do Acre será aberto ao público, mas terá vagas limitadas. Os interessados devem preencher a ficha de inscrição, via internet, com nome, RG, CPF, instituição e categoria. O credenciamento é gratuito. A organização estima um público de 200 pessoas. O evento é uma realização da Ufac em parceria com o Instituto Federal do Acre (Ifac).

Fonte: Assessoria de Comunicação da Universidade Federal do Acre

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: